Guia do Estudante

Enem

Enem: Candidatos travestis e transexuais já podem pedir uso do nome social

Solicitações serão recebidas até o dia 8 de junho

da redação, com informações da Agência Brasil | 01/06/2016 11h 23

Os candidatos transexuais e travestis que se inscreveram no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) podem solicitar, a partir desta quarta-feira (1), o uso do nome social na prova. O pedido deve ser feito diretamente na página do participante do Enem. O prazo fica aberto até o dia 8 de junho.

O nome social permite que os candidatos sejam tratados pelo nome com o qual se identificam e não pelo que consta no documento de identidade. O candidato deve enviar formulário específico do sistema, acompanhado de foto e documento de identificação.

>> Baixe o aplicativo oficial do Enem

Desde 2014, o Enem recebe o cadastro para o uso do nome social. O número de inscrições subiu de 102, na edição de 2014, para 278 na edição de 2015. Os participantes também têm garantido o direito de usar o banheiro do gênero com o qual se identificam.

>> Os temas mais cobrados no exame

Edição de 2016

As inscrições para o Enem 2016 terminaram no dia 20 de maio, com 8,6 milhões de candidatos confirmados. As provas ocorrerão nos dias 5 e 6 de novembro. Os portões nos locais de provas serão abertos às 12h e fechados às 13h (horário oficial de Brasília), com início de prova às 13h30.

O tempo extra de meia hora será usado para procedimentos de segurança, como revista eletrônica e para que os participantes possam guardar os pertences. O período total de duração das provas permanece em quatro horas e meia no primeiro dia (sábado) e cinco horas e meia no segundo dia (domingo).

Mais informações e o edital estão disponíveis no site oficial do Enem. Em caso de dúvidas sobre o exame, os candidatos podem ligar para o telefone 0800-616161.

Compartilhe