Guia do Estudante

BIOTECNOLOGIA E BIOQUÍMICA

Bacharelado / Tecnológico

Legenda:

Graduação

Graduação Tecnológica

A biotecnologia é uma das áreas de pesquisa e trabalho mais empolgantes e inovadoras. Mas, para se dedicar a ela, é preciso ter vocação para a pesquisa científica. O bioquímico é, fundamentalmente, um conhecedor dos processos químicos que envolvem organismos vivos e as substâncias produzidas por eles. Existem dois caminhos para atuar na carreira - com um curso em Bioquímica ou em Biotecnologia. Seja qual for o curso escolhido, ambos os profissionais manipulam as substâncias envolvidas no funcionamento e na replicação de células, como proteínas e enzimas. É sua função buscar aprimorar e garantir a qualidade dos produtos, seu processo de beneficiamento ou fabricação e, também, minimizar o impacto ambiental das atividades industriais ou agrícolas. Seu campo de atuação é muito amplo: pode trabalhar na indústria química, farmacêutica ou de alimentos, ou em institutos de pesquisa genética ou bioenergia. Você pode ingressar na carreira como tecnólogo.

Duvidas do Vestibulando

QUAL A DIFERENÇA ENTRE OS CURSOS DE BIOQUÍMICA E BIOTECNOLOGIA?

Todos esses cursos têm na grade curricular uma boa carga de química e biologia e campo de trabalho relacionado à pesquisa e à tecnologia. A Bioquímica controla processos biológicos envolvendo organismos vivos, células e enzimas. A Biotecnologia avança mais em bioquímica e genética, pois atua com a transformação das células, organismos e tecidos para produzir ou modificar um produto ou uma matéria-prima - uma planta, por exemplo, para produzir um medicamento mais potente ou mesmo um novo tipo de material.

Mercado de Trabalho

O bacharel em biotecnologia tem um vasto campo de atuação, em especial no setor alimentício e de insumos agrícolas, uma vez que as indústrias dessas áreas buscam a todo momento soluções para aumentar e otimizar a produção de alimentos e de medicamentos. Por ser um curso que oferece uma formação multidisciplinar, os recém-graduados enfrentam a concorrência com profissionais de áreas correlatas, como químicos, engenheiros químicos e farmacêuticos. Os setores de alimentos e bebidas, de medicamentos e cosmética, químico e de melhoramento genético são nichos tradicionais. No entanto, o biotecnólogo também se coloca em empresas e órgãos que avaliam impactos ambientais e processos de despoluição e em institutos de pesquisa, como a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). As regiões Sul e Sudeste oferecem o maior número de vagas. Atuar com pesquisa também é opção para o profissional.

As melhores escolas

5 estrelas

SP Araras UFSCar Biotecnol. São Carlos UFSCar Biotecnol.

4 estrelas

BA Salvador UFBA Biotecnol. CE Fortaleza UFC Biotecnol. GO Goiânia UFG Biotecnol. MG Alfenas Unifal-MG Biotecnol. Divinópolis UFSJ Bioquím. Viçosa UFV Bioquím. MS Dourados UFGD Biotecnol. PA Belém UFPA Biotecnol. RJ Duque de Caxias UFRJ Ciên. Biol.: Biotecnol. RS Porto Alegre UFRGS Biotecnol.

3 estrelas

MG Uberlândia UFU Biotecnol. PR Curitiba PUCPR Biotecnol. $$$$$. RJ Rio de Janeiro IFRJ Ciên. Biol. (Biotecnol.). RN Mossoró Ufersa Biotecnol. RS Capão do Leão UFPel Biotecnol. São Gabriel Unipampa Biotecnol. ___________________________________________________________ **MENSALIDADE | ($) até R$ 400,00 ($$) de R$ 400,01 a R$ 700,00 ($$$) de R$ 700,01 a R$ 1.000,00 ($$$$) de R$ 1.000,01 a R$ 1.500,00 ($$$$$) acima de R$ 1.500,01 (n/i) valor não informado | ausência de mensalidade: curso gratuito

Curso

O bacharelado mais tradicional nesta área é em Bioquímica. Porém, algumas escolas oferecem o curso de Ciência e Tecnologia, com ênfase na área. A matriz curricular tem foco nas Ciências Biológicas e em química, mas contém também disciplinas de matemática, física, química, estatística e informática. As disciplinas específicas incluem biossegurança, biotecnologia vegetal e farmacologia. Aulas em laboratório ocupam grande parte do tempo. O estágio neste curso é obrigatório, e o aluno também tem de apresentar um trabalho de conclusão de curso.

Atenção: com diferentes nomes, algumas escolas oferecem o curso em Engenharia Bioquímica, que dá ao graduado formação em Exatas, para atuar em indústrias.

Duração média: de 4 a 5 anos.

Outros nomes: Bioquím.; Ciên. Biol. (Biotecnol.); Ciên. Biol.: Biotecnol.


Biotecnologia

Os cursos superiores de tecnologia em Biotecnologia oferecem formação em processos bioquímicos. Além das matérias clássicas da área de Ciências Biológicas, o aluno tem contato com técnicas modernas de clonagem, melhoramento genético, cultura de tecidos e análise de genomas. Estuda ainda biossegurança, engenharia bioquímica, bioinformática, controle de qualidade e gestão de negócios e mercadológica em biotecnologia. É preciso apresentar um trabalho de conclusão de curso e cumprir carga horária em estágios.

Duração média: 3 anos.

O que você pode fazer

Agronegócios

Em empresas e cooperativas agropecuárias, aprimorar técnicas de combate a pragas e doenças nas lavouras e nos rebanhos.

Ensino e pesquisa

Com pós-graduação, lecionar para o Ensino Superior e participar do corpo de pesquisadores de uma universidade ou instituto de pesquisa.

Indústria

Acompanhar os processos industriais que envolvem microrganismos ou enzimas na linha de produção de alimentos, bebidas, medicamentos, insumos para a agropecuária ou biocombustíveis.

Meio ambiente

Estudar processos de recuperação de solos e rentabilidade e sustentabilidade das atividades agrícolas. Pesquisar a poluição e a contaminação do ar, da água e do solo por microrganismos.

Saúde

Identificar organismos causadores de doenças em laboratórios de análises clínicas ou institutos de pesquisa. Atuar na prevenção, no controle e no combate a infecções hospitalares.

Compartilhe