Guia do Estudante

TÊXTIL E MODA

Bacharelado

Legenda:

Graduação

Graduação Tecnológica

São os conhecimentos utilizados na cadeia produtiva têxtil, desde a fabricação de fios até a comercialização do produto final. O bacharel em Têxtil e Moda concebe e desenvolve projetos e pesquisas tecnológicas ligados à produção têxtil. Atua na criação de fios e tecidos, nos processos de tingimento e na definição de cores, além de poder participar do planejamento da produção e também cuidar da manutenção dos equipamentos industriais. Está habilitado ainda a desenvolver coleções de moda, analisando tendências e preferências dos consumidores. Responsabiliza-se pela produção de desfiles e catálogos de moda. Com conhecimentos de gestão, o profissional pode atuar na comercialização do produto final. O tecnólogo em Produção Têxtil gerencia a fabricação de fios, tecidos malhas e acompanha as atividades de fiação, tecelagem, padronagem e tinturaria. Algumas escolas formam profissionais para atuar especificamente em modelagem e acabamento das coleções.

Dúvida do Vestibulando

Qual é a diferença entre têxtil e moda e engenharia têxtil?

O profissional de Têxtil e Moda está focado na criação de fios, tecidos, processos de tingimento e defnição de cores. O curso integra tecnologia, gestão, marketing, design e moda. Já o engenheiro têxtil projeta as instalações, os equipamentos e as linhas de produção de tecelagens e indústrias de confecção de roupas. Este bacharel tem formação voltada para a tecnologia têxtil com uma visão econômica, organizacional e empresarial de toda a cadeia têxtil.

Mercado De Trabalho

O Brasil tem o sexto maior parque têxtil do mundo e é o terceiro maior produtor de malhas. Mas a concorrência com os produtos da China tem feito com que a indústria nacional procure novos caminhos para se manter competitiva. Para isso, são necessários profissionais com competência nas áreas de inovação e gestão. "A demanda pelo profissional é maior no desenvolvimento de novos tecidos com foco em inovação tecnológica", diz Cláudia Regina Garcia Vicentini, da USP. Apesar de pouco conhecido - apenas a USP oferece o curso -, o bacharel em Têxtil e Moda já está se firmando no mercado. O Sul concentra as melhores chances de trabalho, principalmente no Vale do Itajaí, em Santa Catarina. No Sudeste, há empregos no polo têxtil paulista, nas cidades de Americana, Santa Bárbara D’Oeste, Nova Odessa, Sumaré e Hortolândia. No Nordeste, a procura é maior pelo especialista em roupas de banho, cama e mesa.

Salário inicial: de R$ 2.000,00 (fonte: prof. Sidnei Gripa, da Unifebe).

As melhores escolas

4 estrelas

SP São Paulo USP;

Curso

A Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da Universidade de São Paulo (USP), no campus da Zona Leste, oferece o único bacharelado do país. O curso está organizado em três grandes pilares: tecnologia de material e de produção; gestão; e design e moda. São ministradas matérias básicas, como matemática, química e física, disciplinas específicas da área e outras voltadas para aspectos culturais e de negócios. Entre as específicas, o aluno estuda desenvolvimento de produtos têxteis, materiais, fibras e fios sintéticos. Já nas voltadas para fundamentos culturais há disciplinas como história da moda, sociologia da moda e antropologia. Na área de negócios, são ministradas aulas de gestão de produto, estatísticas e tendências, marketing têxtil, logística e economia. O estágio e o trabalho de conclusão do curso são obrigatórios.

Duração média: quatro anos.


O objetivo do curso tecnológico é oferecer formação prática na fabricação de tecidos. Para isso, o aluno tem aulas de fação, fibras têxteis, tecelagem, malharia e beneficiamento de tecidos (tingimento e estamparia). Há, também, disciplinas teóricas que ajudarão o futuro profissional a exercer funções gerenciais na indústria. O intercâmbio com empresas e indústrias é essencial e ocorre com palestras, workshops e visitas técnicas. As faculdades exigem dos formandos a realização de estágio ou a apresentação de um trabalho de conclusão de curso.

Duração média: três anos.



O que você pode fazer

Automação industrial têxtil

Têxtil projetar equipamentos e dar manutenção a máquinas de fação, tecelagem e confecção. Coordenação Gerenciar a compra de coleções.

Gerenciamento

Desenvolver produtos e supervisionar a compra de matéria-prima, bem como a produção e a comercialização do produto.

Pesquisa e desenvolvimento

Criar fibras e fios sintéticos ou analisar fios naturais para compor novos tecidos. Elaborar cartela de cores.

Produção

Produzir desfiles e catálogos de moda.

Marketing

Definir estratégia de vendas e distribuição e analisar a aceitação do novo produto pelo consumidor, com base em pesquisas de mercado.

Compartilhe